Whatsapp (44) 99909-4093 contato@psicologaveronicadieguez.com.br
Mãe Triste Com Bebê

A saúde emocional no Puerpério

O puerpério é o período após o parto quando  o corpo da mulher passa por alterações físicas e psicológicas até que o organismo retorne ao estado anterior à gravidez.

No puerpério as mulheres precisam de muito cuidado dos outros e de si mesmas, pois é uma fase onde ela tem dificuldades inclusive de satisfazer suas necessidades básicas.
É uma fase de adaptação a nova vida de mulher, à vida de mãe. Quando uma mulher dá a luz, ela nasce como mãe, e como ninguém nasce sabendo, essa nova mãe também não vem com manual de instruções, não é mesmo?


Essa mulher sente dificuldades e muitas vezes chora sozinha, desespera-se, evita sair de casa, irrita-se com facilidade, o leite não desce o suficiente, a criança chora tanto, sente-se incapaz de acalmar o bebê e consequentemente a si própria.


Muitas vezes ela gostaria que perguntassem se precisa de ajuda, mas os outros só perguntam como vai o bebê. Sente-se cansada pelo fato de não conseguir dormir por mais de 3 horas seguidas há semanas.


Ás vezes essa mãe fica hostil com os outros e com o bebê, com receio de não saber cuidar dele, sente insegurança e muitas vezes ainda não sente-se “mãe”.


A mulher sente-se sozinha, tem medo de não dar conta de cuidar do serzinho que hoje depende dela, de não dar conta de outras tarefas inclusive medo de não conseguir voltar ao trabalho fora de casa.


O atendimento psicológico pode ajudar nesta fase, trabalhando o empoderamento da mulher, para que essa mulher se reconheça como mãe e que ela perceba que conhece realmente seu bebê.


Uma boa alternativa seria a de ter uma rede de contato com outras mulheres que já passaram por isso, ou que estejam passando, com a família, amigos, vizinhos e profissionais da saúde como psicólogo, pediatra, obstetra.


Seria muito importante pedir ajuda e companhia dessas pessoas tanto nos cuidados com o bebê, como com ela mesma, talvez com os cuidados com a casa. Uma companhia que possa olhar o bebê enquanto esta mãe toma um banho relaxante, faça uma refeição tranquila ou descanse, e refaça suas energias.

É bom lembrar lembrar que as mudanças são passageiras e que essa dificuldade emocional logo passará.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *